sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

É CARNAVAL!!!!!


O carnaval é uma festa pagã originária da Grécia em meados dos anos 600 a 520 a.C.. Através dessa festa os gregos realizavam seus cultos em agradecimento aos deuses pela fertilidade do solo e pela produção. Posteriormente, gregos e romanos passaram a inserir bebidas e práticas sexuais na festa, o que a tornou intolerável aos olhos da Igreja. Mas, em 590 d.C a festa passou a ser aceita pela Igreja Católica e a ser comemorada através de cultos oficiais, o que bania os “atos pecaminosos”, é claro! Tal modificação, no entanto, foi fortemente rejeitada pelo povo, já que fugia das reais origens da festa, como o festejo pela alegria e pelas conquistas.

Em 1545, no Concílio de Trento, foi decidido que o carnaval voltaria a ser uma festa popular e, em aproximadamente 1723 chegou ao Brasil trazido pelos portugueses. Nessa época a festa era chamada de entrudo, palavra que vem do latim "introitu" (entrada), pois a comemoração começava na entrada (início) da Quaresma.

Em finais do século XVIII, o entrudo era praticado por todo o país, consistindo em brincadeiras, como guerra de ovos, lama e líquidos diversos (vinagre, água suja, etc), que variavam de acordo com os locais e os grupos sociais envolvidos. As primeiras tentativas de civilizar a festa carnavalesca brasileira foram através da importação dos bailes e dos passeios mascarados parisienses, colocando o entrudo popular sob forte controle policial. Uma série de proibições se sucedem na tentativa, sempre infrutífera, de acabar com a festa grosseira.

Mais tarde surgiram as fantasias e os desfiles de blocos (cordões) e, somente no século XIX, os desfiles carnavalescos com carros decorados, os corsos. As famosas marchinhas foram acrescentadas, e assim, a festa cresceu em quantidade de participantes e em qualidade.
A serpentina (de origem francesa) e o confete (de origem espanhola) que enfeitam os bailes, até hoje, chegaram ao Brasil em 1892 e o carnaval de rua ainda preserva parte do folclore brasileiro, tornando o carnaval a maior festa do país.

Em 1890, Chiquinha Gonzaga compôs a primeira música especificamente para o Carnaval, "Ô Abre Alas!". A música foi composta para o cordão Rosas de Ouro que desfilava pelas ruas do Rio de Janeiro durante o carnaval. As fantasias mais tradicionais e usadas até hoje são as de Pierrot, Arlequim e Colombina, originárias da commedie dell'art.
E então meninas, BOA FOLIA!!!
Bjs,
LILA
ps: Se beber não dirija

2 comentários:

Arte em Casa - by Camila disse...

Olá miga, tudo bem?
O carnaval foi bem legal, deu tempo de passear, visitar amigos e descançar tb. A Luiza foi no matinê sim e até saiu numa foto aqui do jornal da cidade! rsrsr
Muito legal este post sobre a origem do carnaval.

Bjokas e fique com Deus!

Faniquito disse...

Oii, Lila !!!

Ahhh nem vi esse post super interessante de carnaval.É que eu aproveitei e descansei a beça, esse calorão me deixa tão mole, tão cansada, um horror.

Vou salvar esse texto, tá...p/ variar. hehehe

Beijinhos...muitos

Ana

Related Posts with Thumbnails