domingo, 11 de novembro de 2012

SHAMBALLA


Olá à todos!
Após longo período sem postar, sem produzir nenhuma das minhas "artes", retorno para mostrar essas pulseirinhas de macramê, conhecidas como "shambala". É o último grito da moda e, como  pessoas antenadas que são, disso vocês já sabem, até porque, pra onde a gente olha tem alguém com uma shamballa. Mas de onde essa moda vem? Então vejamos: Shamballa significa, em sânscrito "um lugar de paz, felicidade e tranquilidade", e, acredita-se, os habitantes desse "lugar" são seres iluminados. Para o budismo tibetano, Shamballa é um reino místico e oculto em algum ponto na cordilheira do Himalaia ou na Ásia central, próximo da Sibéria. Esse reino é mencionado no Kalachakra Tantra (texto do budismo tântrico cujo termo significa, literalmente, "tempo-roda" ou "tempo-ciclos") e nos textos da cultura Zhang Zhung, que antecedeu o Budismo no Tibete ocidental.  Aí vocês vão me perguntar:   Tá OK, mas o que isso tem a ver com as pulseiras? E aí entram os irmãos belgas Kornerup (Mads e Kurts) que resolveram abrir uma joalheria, a Shamballa Jewel, criando peças baseadas na cultura oriental, inspirando-se em suas crenças e valores.
Então, a Shamballa Jewel, dentre várias outras peças, despretensiosamente criou e  lançou no mercado uma pulseirinha inspirada nos terços budistas, só que confeccionadas  com esferas de ouro cravejadas com diamantes e pedras preciosas, esferas de ouro lisas, pérolas e outras preciosidades. Tudo isso  Interligado por  cordões de seda trançados em macramê.  E, assim, as pulseiras Shamballa caíram no gosto de celebridades! Atrizes, músicos, it girls, modelos e até a realeza . D a febre da shamballa que se tornou o acessório mais fashion da temporada!
Bem, na verdade as  originais são para poucos, muito poucos mesmo.  Os preços salgados chegam  a ultrapassar  27 mil euros, o que levou a indústria de acessórios de moda  a providenciar "opções mais baratas", utilizando materiais e gemas menos nobres, para que nós, simples mortais, também pudéssemos ter a nossa pulseirinha. E aí, podemos apreciá-las  como jóias mais simples, semi-jóias ou mesmo bijous. Tem pra todos os gostos e  bolsos.
Aproveito, então, para mostrar as shamballas feitas por mim, afirmando a vocês que é uma delícia de fazer, um verdadeiro exercício de criatividade e imaginação, tendo como instrumentos as contas, os cordões e brilhos na composição de peças originais e super atuais.  
Quem quiser encomendar e comprar a sua shambala ou obter mais alguma informação é só mandar um e-mail pra mim ok?! 
Bjs
Lila
Essas são as do Coloquio das Artes


fonte de pesquisa: Wikipedia









3 comentários:

Maria Marta Marques disse...

oi , vim agradecer e retribuir a sua visita e adorei suas pulseiras . Apareça mais vezes.bjs
Marta

PS: se puder e quizer retira o verificador de palavras e só deixa a moderação para os comentarios, dificulta muito postar um comentario e muitos desistem.

Entre, a casa é minha! disse...

Lindas as pulseiras, está mesmo na moda. Parabéns admiro muito quem sabe fazer.
Obrigada pela visitinha lá no meu bloguito, volte sempre.
Beijos!
Mona...*

Entre, a casa é minha! disse...

Lindas as pulseiras, está mesmo na moda. Parabéns admiro muito quem sabe fazer.
Obrigada pela visitinha lá no meu bloguito, volte sempre.
Beijos!
Mona...*

Related Posts with Thumbnails